Latest Entries »

Haha, olá mossada. Hoje trago um causo da vida pedido tanto pelos meus amigos da facul para ser postado aqui. O povo de lá vai saber na certa quem foi o alvo, mas vou manter o nome em sigilo pra não causar constrangimento.

Legenda: A1, A2, A3, A4, A5.

Foi um fato bastante engraçado na hora {apesar de não saber se vocês vão rir como nós fizemos na hora}, mas façam uma forcinha com a imaginação para curtir o fato também.

Para início de conversa, hoje tivemos prova de anatomia humana, e um dos conteúdos da prova foi Sistema Reprodutor. Como hoje foi o último dia de ‘aula’, nós [A1 , A2 e A3] nos convidamos para almoçar na casa do A4. Idéia vai, idéia vem, mudamos para a casa de A1.{no bus nem fizemos farra, ‘magiana! e o guri gaot curintia do bus, só bizu ;P – e pra variar quase nem caí de novo no bus}, fomos lá e como nerdisse é pouca, ficamos vendo um videozinho super-maneiro do carinha tocando as músicas do Mário {que Mário? …}.

Nisso, chega A5 {que convidamos no caminho de ida para A1} {sim, somos um clã malígno dos A’s} e vamos comprar os bébis. {agora vou adiantar a fita porque o que aconteceu foi um pooouco depois – e vamos pular a parte que eu derrubei QUASE toda Coca-Cola no chão}.

Depois que A3 e A5 foram embora, a gente foi ver Grey’s Anatomy {que A1 e A4 são viciados}{e eu dei um dormidão} e depois disso fomos tomar chá, no melhor estilo japo-londrino {chá japonês com um ar de dia em Londres}, nisso estamos: A1, mãe de A1, irmão de A1, A2 e A4. Então, lá vem a conversa:

A2: Acreditam que eu fui a única pessoa que errou a tonsila {caiu sistema linfático também}!?! Era palatina e eu coloquei faríngea…Sou especial {aí A2 faz um sinal ofensivo para as pessoas com deficiência mental e motora}

Mãe de A1: e você A1… no que errou?

A1: Eu errei o clítoris…  {meu pensamento: WTFuu?!?!}

*Momento de silêncio*

*Momento que todo mundo raxou pakas, até a mãe de A1*

Depois, conversando, descobrimos que nós três {A1, A2 e A4} pensamos na mesma resposta que A1 respondeu, mas eu cheguei a duvidar que ele falaria realmente na frente da mãe.

E para completar A1 fecha com chave de ouro {credo que gíria mais velha!! ;P}:

A1: É porque me faltou material de estudo!…

Pasmos, terminamos de comer o chá e tomar os biscoitos(sic)… {fora que teve o mico do Animemerda que A2 pagou, que na verdade era Animerda, mas só foi engraçado pra quem viu/ouviu}.

Bem, é isso. A1 e A4 queria que o título do post fosse “Errei o clítoris…” mas as pessoas iam ficar muito assustadas e ia estragar a graça do suspense ;D…

E eu ia falar sobre o miquinho básico que o povo do Ministério da Saúde pagou {mas não sei se muita gente pegou esse mico, tinha que saber do contexto pra sacar, posto depois ;D}.

Well, então é isso! A pérola do dia, de um dia cheio de causos {até a corrida no meio do supermercado}.

;kiss

Ai, me segue…

Pois é garotada ;D, agora é modinha segui os outros… Não me entendam mal, pois perseguição é crime e dá cana. Melhorando a frase: a modinha é ter Twitter.

Eu não sou fã de modinhas, mas amo audiência para o blog, então… fui lá fazer um bendito. Não é nada de mais! Você vai, escreve uma frase por dia; se você quiser por minuto ou até mesmo logo depois que a sua internet terminar de postar {na verdade twittar ;P} o anterior. Vai da cabeça de cada indivíduo.

Então vou começar a divulgar por lá também cada post novo que aparecer, tipo um RSS e farei o mesmo no orkut. No myspace não dá, porque eu apanho em fuçar naquilo. Mas quem quiser adicionar em qualquer um desses negócios aí, tá liberado, só avisar onde me achou {que no caso, foi no blog ou no twitter… etc}.

outro do nadaver ;D

outro do nadaver ;D

Antes de terminar, só trago-lhes uma predição. Para o ser humano, tudo vira MSN, o orkut virou {um big-chat}, o My Space virou/estávirando e não duvido muito que, se já não acontece, logo acontecerá com o Twitter. Mas isso não importa. Cada dia o Homo sapiens sapiens arranja mais e novas formas de se comunicar.

Well, então me sigam, PELO TWITTER é claro, e continuem plugados aqui. :D

;kiss

Doug Funnie! 8D

O super homem cueca!

O super homem cueca!

Caraca véi, cada coisa que tiram do baú {com acento ou sem?}! Ultimamente estou na vibe Tv Cultura-Canal Futura e vira e mexe eu encontro umas coisas super legais por lá {que COM CERTEZA vou colocar aqui as vezes}.

Sei lá, esse negócio de entretenimento vazio já me cansou {exemplo: novela, programa-de-humor-no-sense a lá Zorra, etc} . Quero algo com profundidade, conhecimento…{vai ser que essa vibe é influência dos professores lá da faculdade… ;D}. Então, estava no momento de ócio {vagaba} e BAN! Vi esse gurizinho aí passando na Tv Cultura. Como aqui {ainda} o horário é uma hora a menos que Brasília, era por volta do meio-dia.

Como não sou boba nem nada fui logo lá no site do canal conferir a programação… vai que era só um ‘especial’ neah! Com isso descobri que esse desenho, que preenchia a tarde da garotada da década de 90 voltou a passar, no horário de 13:30 e 17:30, segunda à sexta… {no horário de Brasília, então se você é do MS, AM e Cia, será as 12:30 e 16:30}.

E pra quem quiser saber mais sobre o programa, aqui vai uma sinopse copiada do próprio site da Tv Cultura {para os que não quiserem abrir o link}:

A série se passa na cidade fictícia de Bluffington, para aonde Doug e sua família se mudaram, saindo de Bloatsburg. A animação mostra a vida e as imaginações do personagem título, um estudante chamado Doug Funnie. Ao lado de Doug, estão seu cachorro Costelinha, os amigos Steeker Valentine e Patti Maionese, além de seu inimigo Roger Klotz, o valentão da escola. A maioria dos episódios começa com Doug escrevendo no seu diário os fatos mais recentes de sua vida, e o episódio exibido acaba por ser um flashback de Doug, que narra os eventos.

A irmã mais velha de Doug, Judy, é uma fonte constante de conflito. Ela é uma atriz dramática que sempre usa roupa roxa e óculos escuros, até mesmo dentro de casa. A existência de Doug é praticamente ignorada por ela, já que os interesses dele são infantis, aos olhos dela.

A imaginação de Doug reage a várias situações de sua vida, o ajudando a superar seus medos. Em um episódio, temendo uma visita ao dentista, ele imagina ser um agente secreto ao estilo James Bond, fazendo menção à cena do laser em Goldfinger.

Outro tema recorrente da série é o amor de Doug por Patti. Alguns episódios são focados inteiramente nisso, mostrando tentativas de Doug para se aproximar de Patti, ou de tentar evitar que ela descubra seus sentimentos em relação a ela. Geralmente, esses episódios têm um desfecho mostrando uma esperança otimista para Doug.

Well, pra quem foi dessa época e quer reviver a ‘brilhantina’ {época que só comia e dormia, sem facul e estágio u.u} só ligar na telinha no canal e horário indicado.

E para quem quiser saber mais sobre o desenho: Doug Funnie, Doug, Doug Funny, Doug Funnie.

;kiss

Cansou?

Tá cansado de ouvir falar do Michael Jackson?

\o/

\o/

Assista o show do The Kooks, no Multishow hoje, às 22:30 {horário de Brasília}. Mas se você já fui no show deles {que eu nem to me mordendo de inveja} na Via Funchal, dânesse, vai assistir novela da Rede BOBO.

The+Kooks+from+the+clash+magazine

Para saber mais sobre essa banda, lindadimorre, fica aqui alguns links: The Kooks, Kooks, Letras Terra, MySpace, Um clipe maneirinho.

E para os preguiçosos, aqui uma síntese sobre eles:

Britânicos lindinhos tocadores de Indie, Blues e Rock. Banda formada em 2004 num lugar com nome difícil, e tendo como integrandes: o cantor e guitarrista Luke Pritchard, o baixista Max Rafferty, o guitarrista principal Hugh Harris e o baterista Paul Garred. O nome foi tirado de uma música de David Bowie, “Kooks”, no álbum de 1971 Hunky Dory.

www.cityfm.ro

Bem, é isso. Se não tem Multishow, sorry, não posso fazer nada. ;P Se der vontade eu venho e comento o show para vocês… {mas é possível que não porque eu vou estar meio apertada de horário… provas e provas.}

;kiss

Pois é mossada, vim hoje trazer um tema de utilidade pública {blogueira}: deixar o seu blog lekalzinho. Como existem muitos gostos diferentes e idéias também, não vou falar sobre layout ou temas para postar em blog, cada um posta o que der ta casinha {cabeça em liguangem Anês ;D}.

Pensando nas pessoas que abrem mil abas de uma vez e/ou nas que tem conexão ruim e/ou que tem pc ruim eis umas dicas que lhes trago {sigam se quiserem, não to nem aí pra isso, só to tentando ajudar}. Explicando melhor nos itens abaixo:

1º – Não coloque um número muito grande de post na página inicial do blog. Apesar de ser mais convidativo {o leitor embala e acaba lendo todos}, as vezes demora um bocado para entrar.

Solução: coloque no máximo uns 10 posts por página.

2º – Se você tem um número considerável de posts na primeira página, tente não colocar muitos vídeos. E as vezes eles ajudam na lerdeza do blog.

Solução: Tire um print de uma parte do vídeo, ou pegue um banner sobre o vídeo ou qualquer imagem que o represente e coloque, e abaixo coloque um link para a pessoa ir  ver se estiver interessada {não é justo deixar o blog lerdo para as pessoas que nem quere ver o vídeo ;D}.

3º – Imagens que são maiores que o espaço a elas destinado: elas ficam cortadas e feias.

Solução: Não coloque-as ou se for colocar, redimensione-as. Fica muito mais agradável de ver ;D. Se for parte de um site, opte por colocar apenas um link.

4º – Coloque links de uma forma legal de ver. Exemplo: Aqui o nome do Site, existem botões legaizinhos e simples de usar que só clicar e eles fazem isso pra você! {costumam ter uma correntinha neles}.

5º – Use cores berrante em fundo claro apenas para efeito estilístico, como quando quiser esconder um spoiller, fim de filme ou coisas do gênero.

6º – Formate sempre o seu texto de forma legal, para não cansar a vista de pessoas que enxergam pouco. Faça o mesmo com o template, algum modelos cansam a vista rapidamente.

7º – Tente atualizar com maior frequência possível, para que seus leitores não percam o interessem em visitá-lo.

Bem, acho que é isso. Dê a sua cara para o blog e se divirta, pois é essa uma das funções do blog!

;kiss

Pois  ééé, mossada. Todo mundo falando do ídolo pop, e eu aqui pensando: Afe, vão fazer disso o principal do mundo, não vão falar nem mais na mossa que morreu lá pros Oriente Médio ou a crise disso ou a gripe daquilo. Isso me indigna! Parece que não existe mais nada no mundo. Mas beleza, vou dar uma de mariavaicunasotras e também vou tirar minha casquinha do Michael, porque dá bastante ibope 8D.

[otakumodeon]Eu, passeando por blogs e orkuts achei uma coisa muito engraçada, que eu concordei plenamente. Não precisam ficar procurando a casa da morte do mito Pop, já que a resposta está aqui. Eu sabia que ele estava por trás disso!

E o seu paradeiro {do dono} é desconhecido… quem souber, não entregue-o a mim e eu darei um jeito de pegar aquilo para mim.[otakumodeoff]

Well, só pra não perder a vibe, eis minha contribuição roubada ao rei do Pop {o que pensará o principe do Pop – Justin? – huahuahua}

[o bom que o pepper já coloca os créditos ;D]

o bom que o pepper já coloca os créditos ;D

Bem, eu fico por hoje deixando mais alguns links pra que sem amarra nesse carinha aí…

Thriller, Beat it, Beat it no Piores do Mion, Michael Jackson, Jackson Five, ABC – Jackson 5.

;kiss

faltou o bom senso né amiga S;

faltou o bom senso né amiga S;

Pois é né galera, as vezes a gente dá um fora mas não é nada demais. As vezes o fora é tão grande que a gente fica com cara de taxo. Ou pelo menos eu teria ficado se fosse eu.

Vou lhes contar a história que acabou por chegar aos meus ouvidos:

Estava minha tinha no clube – e minha tia perdeu o marido, que era meu tio {duh} e ficou muito abalada – e então aparece uma fulana colega dela que não conversavam a tempos. Conversa vai conversa vem a fulana solta a seguinte frase:

– Mas eai? Como vai a viuvêz? – pode falar, frase tensa né? Minha tia me contando isso nem acreditei!! E a coitada da minha tia, ficou tão sem ação na hora que só deu um sorriso amarelo e saiu de fininho.

Aí eu digo: Poxa Dinda, você deveria ter respondido algo…!

Tia: Pois é, na hora fiquei tão abismada com a pergunta que nem pensei. Bem que eu poderia ter respondido…. : Espera sua hora chegar…! – depois de um segundo de silêncio processando a frase, nós rachamos o bico.

Bem que a fulaninha merecia um resposta de atravessado. Eu teria respondido algo tipo: Ah! Cansei de ser viuva, virei puta.

Mas e você? Já ouviu um fora desses ou acabou dando um? O que você responderia a uma fulaninha insensível dessas?

;kiss